Os pequenos negócios são os mais atingidos quando acontecem as crises,  entretanto, atitudes simples dos consumidores fazem toda a diferença na hora de ajudar um negócio local

Quando aconteceu o isolamento social, o fluxo de pessoas nas ruas diminuiu, fazendo com que o comércio tivesse menos movimento, enfrentando grandes dificuldades financeiras. Os pequenos negócios movimentam a economia no Brasil. 

As microempresas e os pequenos negócios representam 27% do PIB do país e 44% do salário dos trabalhadores, segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

 

Benefícios de ajudar pequenas empresas

Apoiar o pequeno negócio é sempre importante porque trazem benefícios para a comunidade local como:

    • Mais oportunidades de emprego na região;
    • Mais impostos, ajudando a economia da cidade a girar;
    • Funcionários que transitam na região acabam comprando de outros negócios locais;
    • Mais opções de compras, gerando concorrência, e com isso os preços ficam mais atrativos;
    • Mais serviços e mercadorias próximos de você, evitando se deslocar até grandes centros;
    • O pequeno geralmente compra do pequeno, ajudando um você também ajuda os outros.

 

como ajudar um negocio local

 

Pensando nisso, nós separamos algumas dicas para ajudar um negócio local a crescer. São elas: 

 

1.  Dar preferência ao pequeno

Por ir atrás de empresas que ofereçam preços ou produtos mais atrativos, nem sempre compramos do pequeno, mas neste momento é muito importante que se compre tudo o que for possível do pequeno negócio que está perto de você.

O pequeno negócio pertence normalmente a uma pessoa que também é da região e como já comentamos aqui, tem por hábito comprar de outras empresas pequenas e que costumam ser da localidade.

Com isso você acaba por formar uma rede, onde o pequeno compra do pequeno e todos se ajudam mutuamente, se fortalecendo entre si. Assim os benefícios são sentidos por todos. 

 

2. Comprar de quem é pouco conhecido.

Mesmo entre os pequenos negócios locais, tem aquele que com certeza está bem próximo de você e que por variados motivos nunca comprou deles.

Esse é o momento ideal para você descobrir o que tem próximo de você, descobrir novos sabores ou novos serviços. Você pode se surpreender com o que tem perto de você e ajudar quem mais precisa. 

 

3. Divulgue nas redes sociais

Outra forma muito simples de ajudar o pequeno negócio local é divulgando em suas redes sociais produtos e serviços que consumiu do pequeno. 

Se você gostou, dê sua opinião, ela pode motivar outras pessoas próximas de vocês a experimentar. O marketing boca a boca é muito forte e com as redes sociais podemos atingir muito mais pessoas.

 

4. Interaja com as redes sociais do negócio

Além de divulgar, outra forma de ajudar o pequeno negócio local é interagindo com as redes sociais deles. Seguindo, comentando o que mais gostou, curtindo, compartilhando com amigos. 

Essa interação aumenta o engajamento do perfil do pequeno negócio na rede social, fazendo com ele tenha mais engajamento e consiga alcançar mais pessoas com suas publicações. 

Fonte: Contabilizei, BDE

 

BANCO BANCRI, a sua solução em empréstimo pessoal

O Banco Bancri disponibiliza empréstimos pessoais tanto para PJ quanto para PF, atuamos na liberação de crédito para alavancar negócios e oferecemos aos nossos clientes a possibilidade de comprar equipamentos ou máquinas (novas e usadas), ferramenta, matérias primas, mercadorias para estoque, materiais de construção, reformas, viagens e muito mais. 

Para contratar um empréstimo pessoal com taxas reduzidas e em até 36x vezes para pagar, entre em contato conosco pelo número 0800 123 5600, pelo WhatsApp (47) 30456030 ou pelo e-mail: atendimento@bancri.org.br. Atendemos das 09h00 às 17h00 de segunda a sexta. 

Precisa de ajuda?