Reformar a casa ou um outro imóvel de sua propriedade é sempre um desafio muito grande. O primeiro tópico que ajuda na tomada de decisão é se você tem dinheiro para fazer o pagamento à vista, ou se será possível fazer um empréstimo para a reforma.

Dependendo do tamanho da obra e do que se pretende fazer, calcular minuciosamente é extremamente importante para não entrar numa fria. Afinal, o objetivo é que a reforma traga alegria para você e sua família e não que isso seja motivo de transtorno, como um endividamento, por exemplo.

Há pessoas que optam por usar o cartão de crédito para ir comprando o material e acabam se complicando na hora de pagar. E é importante lembrar que a dívida do cartão de crédito é uma das mais caras que existem hoje e também uma das mais comuns no Brasil.

Uma pesquisa feita pela Serasa em parceria com a Opinion Box revelou que 53% dos entrevistados endividados estão nessa situação por conta do cartão de crédito. Crediário em lojas fica em segundo lugar, com 34%.

Então, para que você não entre nesta estatística, este conteúdo vai te ajudar a entender como encontrar as opções de empréstimo, métodos de pagamento, taxas de juros e muito mais para que você consiga executar sua reforma de forma tranquila, organizada e sem problemas futuros. Vamos lá?

reforma

Como funciona o empréstimo/crédito para reforma em Itajaí/SC

Você pode agora estar pensando se há diferença entre empréstimo exclusivo para reforma ou outro tipo, como o crédito pessoal, por exemplo.

A resposta é sim, existe uma diferença. E se sua dúvida agora é que diferença é essa, a resposta vai te agradar, e muito.

Quando você opta pelo financiamento ou crédito para reforma de casa, as instituições financeiras oferecem taxas de juros mais baixas quando comparadas a um empréstimo pessoal.

Ele é voltado para quem está construindo ou reformando um imóvel e pode cobrir até 100% do valor correspondente à obra. Como normalmente esse valor é consideravelmente alto, dificilmente você conseguiria emprestar tudo em outra finalidade.

Mas um ponto bem importante a frisar é que esse tipo de tomada de crédito é exclusivo para reforma, como compra de materiais e mão de obra, e tem exigências impostas pelos bancos. Um exemplo é que o solicitante precisa ser, de fato, o proprietário do imóvel. Ou seja, não é possível que o crédito seja liberado para um terceiro.

Outra regra para ficar de olho é que a pessoa que for solicitar o imóvel não pode ter outro imóvel no local ou região em que mora ou pretende morar após a reforma. E isso é só um exemplo, pode ser que haja outras exigências impostas pela instituição que você esteja tentando o crédito.

Quando vale a pena contratar empréstimo/crédito para reforma em Itajaí?

Agora que você entendeu que as taxas de juros tendem a ser menores quando o motivo do empréstimo é a reforma, provavelmente já esteja empolgado em ir atrás para realizar a tão sonhada obra, certo?

Mas espera aí, é melhor ir com calma para não se arrepender depois. Primeiro de tudo, é importante definir se a obra é ou não necessária neste momento. Se for

Para fazer uma churrasqueira no quintal de casa, por exemplo, pode ser que dê para esperar um pouco mais e juntar a grana necessária, certo?

Agora, se você está aumentando a família ou se for por motivo de segurança, no caso de um telhado já em situação precária, um muro que já tenha sido condenado e corre risco de cair, por exemplo, aí sim é preciso correr atrás do dinheiro o quanto antes e iniciar a obra.

E na hora de escolher a melhor instituição, já fica aqui um aviso bem importante: observe toda e qualquer taxa que será cobrada e todo o valor imputado ao consumidor. Analise minuciosamente o Custo Efetivo Total (CET) do empréstimo, com o montante total a ser pago, por quanto tempo você irá ter essa dívida, se o valor da parcela não vai prejudicar seu orçamento e se tem os seguros obrigatórios embutidos no valor final.

Essa análise é importante, pois talvez você tenha que cortar outros gastos para conseguir arcar com as prestações mensais.

Antes do empréstimo, certifique-se também de que não há nenhuma outra opção mesmo, como vender o carro ou trocar por um mais básico, fazer uma renda extra vendendo alguma coisa, como doces e artesanatos, ou ainda se desapegando de coisas que não usa mais, como roupas etc.

Pensando assim, por ser até que você não consiga todo o dinheiro necessário, porém, pode reduzir o montante final da tomada de crédito e isso, consequentemente, reduz o juro ou até mesmo a parcela. O importante é não se endividar desnecessariamente.

Referência: https://bit.ly/3xLGiir

Bancri – Banco de Crédito Popular, a solução em crédito para pessoas físicas e jurídicas em Itajaí e região

O Banco Bancri disponibiliza empréstimos pessoais tanto para PJ quanto para PF, atuamos na liberação de crédito para alavancar negócios e oferecemos aos nossos clientes a possibilidade de comprar equipamentos ou máquinas (novas e usadas), ferramentas, matérias-primas, mercadorias para estoque, materiais de construção, reformas, viagens e muito mais.

Para contratar um empréstimo pessoal com taxas reduzidas e em até 36x vezes para pagar, entre em contato conosco pelo número: 0800 123 5600, pelo WhatsApp: (47) 30456030 ou pelo e-mail: atendimento@bancri.org.br. Atendemos das 09h00 às 17h00 de segunda a sexta.

Precisa de ajuda?